MULHERES INSPIRADORAS

Quando uma mulher entra em trabalho de parto, costuma-se dizer que a mulher deu à luz a mais uma vida. Nascer é uma esperança. 
No decorrer da vida, em muitos momentos, é preciso também renascer, buscar caminhos mais iluminados, faróis que nos guiem. 
Cada mulher tem a sua luz. E muitas nos iluminam como faróis, que podem ajudar a orientar os navegantes em seus rumos. 
 
A proposta deste espaço é trazer histórias de vida, de trabalho, de dedicação e de comprometimento. São trajetórias e ideias que possam inspirar outras mulheres em seus caminhos. Mulheres das artes, da cultura, dos esportes, da ciência, da politica, empreendedoras do trabalho e da vida, pioneiras que ajudaram a construir o nosso Estado.


VIDEOCAST

Programa quinzenal com temas variados, estilo bate-papo, com uma ou duas convidadas, que tem como objetivo buscar os pontos de vista sobre as mulheres e atribuir novos olhares sobre temáticas que envolvem o universo feminino.

HISTÓRIAS INSPIRADORAS

 

MOMENTO AME-SE

Mulheres na Marinha

No dia 11 de junho é comemorado o Dia da Marinha Brasileira. E, no que diz respeito às mulheres, a instituição tem sido pioneira entre as forças armadas. Desde 1980, a mulher está formalmente inserida na corporação, sendo a primeira a tornar esse feito realidade. Contudo, a história da mulher na Marinha é um pouco mais antiga, pelo menos, desde a Guerra da Tríplice Aliança, como voluntárias a partir de 1865.

Uma dessas mulheres foi Maria Francisca da Conceição, que, para participar da expedição com o marido, cortou os cabelos, vestiu um uniforme dele e instalou-se nas fileiras na hora do embarque. Em luta, avançou com a artilharia, derrubando vários soldados, mesmo depois de ver o marido ser morto, até ser ferida por um soldado paraguaio. Ela sobreviveu aos ferimentos e foi uma das mulheres mais admiradas da tropa.

As mulheres também auxiliaram na Segunda Guerra Mundial como enfermeiras voluntárias, nos hospitais militares, tendo, inclusive, atuado no campo de batalha, na Itália, no período de 1942 a 1945.

Com o passar dos anos, mais mudanças foram ocorrendo internamente. Em 2019, as mulheres ingressaram como aspirantes a oficial no corpo da armada e de fuzileiros navais. Para 2023, está previsto o ingresso delas nas escolas de aprendizes marinheiros e nos cursos de formação de soldados fuzileiros navais, completando-se, assim, o processo de inclusão das mulheres em todos os corpos, quadros, escolas e centros de instrução da Marinha do Brasil.

Para saber mais sobre esse assunto acesse a matéria.

Você também escuta o Momento Ame-se na
Rádio Paraná Educativa — 97.1 FM

PIONEIRAS DO PARANÁ

Rosy de Macedo

Pioneira das causas feministas e da participação da mulher na vida pública, Rosy de Macedo Pinheiro Lima (1914-2002) foi a primeira deputada a exercer mandato na Assembleia Legislativa do Paraná.

Rosy elegeu-se deputada em 1947, nas primeiras eleições para a Assembleia Legislativa desde 1934. Junto com a advogada Ilnah Secundino de Oliveira (primeira promotora criminal e juíza do Trabalho no Paraná) e sua amiga Deloé Scalco, ela fundou o Centro Paranaense Feminino de Cultura (CPFC), do qual foi a primeira presidente. Além de espaço cultural, a entidade também oferecia cursos visando a inserção de mulheres no mercado de trabalho. 

Rosy de Macedo jamais se casou, nem teve filhos. Dedicou-se a vida inteira exclusivamente à literatura, à sua profissão e à emancipação das mulheres. Sua eleição, tudo indica, foi um ponto fora da curva: depois dela, só nos anos 1980 a Assembleia Legislativa do Paraná voltou a ter uma deputada. 

Fonte: ALEP

 

 

MULHERES NA CIÊNCIA

Única representante do Sul do País no Febrace e uma das quatro mulheres finalistas, Dionéia Schauren é coordenadora do Clube de Ciências do Colégio Estadual Jardim Porto Alegre, que se tornou um verdadeiro polo de pesquisadores juniores com destaque em congressos e feiras no Brasil e no mundo.  Leia mais...

 

ESCRITORAS PARANAENSES

O Centro de documentação de literatura de autoria feminina paranaense (CEDOC-LAFEP) vinculado a Universidade Estadual do Paraná é um espaço em construção e de divulgação da produção literária de escritoras paranaenses. O objetivo deste projeto é promover a visibilidade da literatura de autoria feminina produzida no Paraná.
http://sites.uem.br/cedoc-lafep/imgs-site/escritoras-paranaenses